Conheça algumas vantagens nos equipamentos de refrigeração com compressores controlados por meio de inversores de frequência

Qual o funcionamento de um Chiller com componentes comuns de refrigeração? 

Os equipamentos comuns funcionam com modulação de 0%, 50% e 100% da capacidade de refrigeração. De acordo com a carga térmica aplicada ao processo, o equipamento pode estar ligado com carga plena, metade ou completamente desligado. Os compressores utilizam um sistema de partida direta que eleva de 4 a 12 vezes a corrente nominal na partida dos mesmos, e de acordo com o dimensionamento dos equipamentos, esta partida pode acontecer de 8 a 10 vezes em 1 hora, o que aumenta consideravelmente o consumo de energia do equipamento. Isto porque o equipamento irá trabalhar com o seu consumo máximo mesmo que a carga térmica não necessite tanto.

Qual a diferença quando se utilizam compressores com inversores de freqüência?

Vejamos um exemplo:

Imagine uma indústria, por exemplo de Injeção ou Sopro, com vários equipamentos operando. Em muitas delas, ocorre uma variação considerável na carga térmica, devido as oscilações normais de processo. Isso se dá pela própria logística da fábrica: Troca de moldes entre equipamentos, manutenção de equipamentos, variação na demanda de produção, inclusão de novos produtos sendo necessários testes e ajustes de moldes, etc.

Com isso a carga térmica geral de uma indústria pode oscilar bastante durante um dia normal de trabalho. O principal benefício deste equipamento é a sua fácil adaptação a carga térmica exigida, ou seja, o Inversor de frequência instalado ao equipamento faz com que o compressor trabalhe somente o suficiente para atender o processo, caso a carga térmica aumentar o compressor automaticamente corrige sua rotação e consequentemente sua potência de refrigeração, e vice-versa. O Equipamento pode modular automaticamente sua capacidade para operar de 30% a 100%.

É possível mensurar os benefícios, por exemplo, de economia em consumo de energia?

Sim, como dito acima a economia de energia está diretamente relacionada ao quanto de oscilação ocorre nas operações das indústrias. Porém, já recebemos relatos de clientes, que fizeram medições reais de consumo energético, e que estão chegando a uma economia na ordem de 28%.

Quais são os principais componentes/Fabricantes, que mudam em relação ao Chiller convencional?

Este equipamento foi desenvolvido de maneira a respeitar todas as normas vigentes e contribuir para redução dos efeitos negativos causados ao meio ambiente, entre os itens que nos faz alcançar estes benefícios podemos citar o uso de:

               #1. Controlador Lógico programado: Um sistema inteligente de controle do Chiller que reduz o número de componentes elétricos aplicado ao sistema e suaviza o sistema de partida dos motores aplicados.
#2. Válvula de expansão eletrônica (ETS – Dansfoss), que controla o fluxo de passagem de fluido refrigerante pelo sistema, tornando-o um sistema de maior estabilidade, precisão e confiabilidade.
#3. Fluido refrigerante ecológico, que são gases que não emitem CFCs (clorofluorcarbonos), substâncias à base de cloro que são prejudiciais à saúde do homem e ao meio ambiente.
#4. Compressor Scroll com Inversor de Freqüência: Compressor tipo rotativo, com impulsor em forma de caracol “Scroll”, que juntamente com o Inversor de freqüência são responsáveis pelo controle de rotação do compressor e conseqüentemente a capacidade do equipamento.

 

 

 

 

 

 

A HBR foi fundada em 1985 com foco na distribuição de equipamentos para o mercado de ar comprimido.

 

Aplicações industriais

Contato

Entre em contato. Adoraremos conversar sobre o seu projeto.

Sede: Rua Marco Giannini, 280 - Butantã - 05550-000 - São Paulo, Brazil

F/F: (011) 3611.6022

contato.vendas@hbr.net